Sexta-Feira, 12/01/2018, 08:37:50 - Atualizado em 12/01/2018, 08:37:50

(Foto: Fernando Torres/Paysandu)
(Foto: Fernando Torres/Paysandu)

Embora não confirme nada neste sentido, o técnico Marquinhos Santos já tem na cabeça a base de seu time para a estreia no Parazão. Conforme o treinador adiantou na quarta-feira, os atletas que estejam em melhores condições físicas deverão iniciar a partida da quarta-feira (17), contra o Parauapebas, na Curuzu. Nos treinos do elenco, Marquinhos tem utilizado uma formação com a maioria dos jogadores remanescentes de 2017. As demais vagas na equipe estão sendo ocupadas nas movimentações por atletas vindos de outros centros e que farão sua estreia, este ano, no futebol local.

 A equipe básica nos treinamentos comandados por Marquinhos tem apresentado a seguinte formação: Marcão; Maicon Silva, Perema, Diego Ivo e Fernando Timbó; Nando Carandina, Renato Augusto e Fábio Matos; Magno, Mike e Cassiano. Durante as atividades, o técnico tem feito substituições pontuais, como, por exemplo, a entrada de Rodrigo Andrade no lugar de Renato Augusto ou de Nando Carandina. No ataque, Marquinhos tem substituído Cassiano ou Mike para a entrada de Peu, jogador vindo do Fluminense-RJ.

Começar na reserva não é problema

O lateral-esquerdo Victor Lindenberg que, pelo menos aparentemente, deve começar o Parazão como opção de banco para o técnico Marquinhos Santos, acredita que ao longo da competição muita coisa pode mudar em termos de titulares e reservas na equipe do Paysandu. O defensor lembrou, ontem, que a temporada só está começando e que não existe nada definitivo ainda. “Ainda não existe um time titular, mas um grupo formado por jogadores que tentam encontrar, cada um deles, o seu espaço”, alegou. Para o lateral, a falta de um tempo mais longo para a preparação do time não é um problema apenas do Papão.

“Pelo que tenho visto no futebol brasileiro, todos os clubes têm reclamado dessa pré-temporada em tão curto tempo”, comparou. O jogador, no entanto, se mostra otimista quanto a uma boa apresentação do Papão em sua primeira partida no Estadual, contra o Parauapebas. “Penso que os profissionais aqui são capacitados a ponto de preparar o time para a estreia”, afirmou. “A cada novo treinamento a gente consegue se enxergar um pouco melhor para a partida”, arrematou.

(Nildo Lima/Diário do Pará)

gamepad

Vista a Camisa 13

Você pode vestir a camisa mais importante do esporte paraense.

Participe

thumb_up

GOL DA RODADA

Vote no melhor Gol da Rodada. Os melhores vão concorrer ao Gol Placa 13.

Participe

directions_run

GOL DO INTERNAUTA

Envie seu vídeo com o GOL mais bonito do time de futebol da pelada ou da quadra. Ele pode ser premiado!

Participe

Patrocínio:

 

 

 

 

 

Realização:

Coordenação: