Papão vence o Manaus-AM e chega à quarta final de Copa Verde

Quarta-Feira, 11/04/2018, 23:48:11 - Atualizado em 12/04/2018, 00:47:23

(Foto: Emanuel Mendes Siqueira / Manaus)
(Foto: Emanuel Mendes Siqueira / Manaus)

O Paysandu chega à mais uma final de Copa Verde. Ao vencer o Manaus-AM por 2 x 1, na Arena Amazônia, nesta quarta-feira (11), o Papão chegou na quarta decisão em cinco edições da competição, ficando no aguardo do vencedor de Atlético-ES e Luverdense-MT.

O resultado não foi conquistado de maneira fácil. O Papão saiu na frente com gol do artilheiro Cassiano. O empate do Manaus-AM, no segundo tempo, veio com Rossini. Nos minutos finais da segunda etapa, Magno confirmou o Bicola em mais uma final. 2 x 1.

Antes de pegar Atlético-ES ou Luverdense-MT na final, os bicolores viajam até Campinas (SP), neste sábado (14), na estreia do clube no Campeonato Brasileiro da Série B, contra a Ponte Preta-SP.

O JOGO

 O Paysandu voltou a repetir erros no primeiro tempo de partida contra o Manaus-AM, fora de tempo. O time de Dado Cavalcanti, mesmo em novo esquema tática e com a entrada de Renan Rocha no gol, foi inconstante, mas desceu para o intervalo com a vantagem parcial que lhe favorecia.

O Manaus até começou tentando colocar pressão, mas foi o Papão que abriu o placar na Arena da Amazônia. Após chute de Mateus Muller, a bola sobrou para Cassiano, que mostrou oportunismo para abrir o placar.

O Paysandu parecia que ia melhorar após sair na frente, mas foi o clube da casa que chegou ao empate. Em jogada rápida pelos lados, a bola encontrou o meia Rossini, na grande área, que teve tranquilidade para chutar na saída do goleiro Renan. 1 x 1.

No segundo tempo, precisando do resultado, o Gavião do Norte foi para cima do Paysandu e fechou os espaços de meio de campo do time comandado por Dado Cavalcanti. O resultado disso foi um Papão acuado, sem poder de criação e pouco perigoso nos contra-ataques.

Quando o Manaus-AM esboçava pressão e parecia estar mais perto do segundo gol, o Paysandu aproveitou a velocidade de Magno, que puxou contra-ataque e finalizou com capricho para o gol adversário, fechando a conta. 2 x 1.

FICHA TÉCNICA

Manaus-AM: Jonathan; Derlan, Deurick, Paulão e Negueba; Panda (Wander), Juninho (Tiago Granja), Cleitinho e Rossini; Hamilton e Nena (Romarinho). Técnico: Igor Cearense

Paysandu: Renan Rocha; Matheus Silva (Perema), Diego Ivo, Edimar e Mateus Müller; Willyam (Douglas Mendes), Nando Carandina, Danilo Pires e Pedro Carmona; Moisés e Cassiano (Magno). Técnico: Dado Cavalcanti

Gols: Rossini (Manaus-AM) / Cassiano e Magno (Paysandu)

Hora: 21h

Local: Arena da Amazônia, Manaus (AM)

Árbitro: Alisson Sidnei Furtado 

Assistentes: Fabio Pereira e Cipriano da Silva Sousa

(DOL)

gamepad

Vista a Camisa 13

Você pode vestir a camisa mais importante do esporte paraense.

Participe

thumb_up

GOL DA RODADA

Vote no melhor Gol da Rodada. Os melhores vão concorrer ao Gol Placa 13.

Participe

directions_run

GOL DO INTERNAUTA

Envie seu vídeo com o GOL mais bonito do time de futebol da pelada ou da quadra. Ele pode ser premiado!

Participe

Patrocínio:

 

 

 

 

 

Realização:

Coordenação: