FPF confirma Castanhal e Paysandu no Modelão

Quarta-Feira, 06/02/2019, 09:23:30 - Atualizado em 06/02/2019, 09:23:30

Paysandu está há 11 anos sem conhecer derrota em Castanhal. (Foto: Jorge Luiz/Paysandu)
Paysandu está há 11 anos sem conhecer derrota em Castanhal. (Foto: Jorge Luiz/Paysandu)

O Castanhal encarou o São Raimundo ontem à noite e no próximo domingo volta a jogar no estádio Maximino Porpino, dessa vez com o Paysandu. No entanto, somente ontem à tarde é que oficialmente o local da partida foi confirmado. Isso porque o clube aurinegro dependia do parecer da vistoria feita ontem pela Polícia Militar no estádio de Castanhal. No fim da tarde, a Federação Paraense de Futebol (FPF) confirmou a partida no município.

Apesar de todos os laudos entregues, somente hoje ou até amanhã será confirmada a capacidade do estádio. Pelo regulamento do Campeonato Paraense, jogos envolvendo Paysandu e Clube do Remo devem ser realizados em estádios que comportem, no mínimo, cinco mil pagantes. Até ontem, o Modelão estava apto para receber apenas quatro mil pessoas. Por isso, é provável que a capacidade a ser liberada respeite a quantidade obrigatória, no mínimo.

Durante a vistoria, algumas pendências de segurança foram resolvidas, como melhorias nas catracas. O estádio foi liberado com a ressalva da necessidade de troca ou reparo de parte do alambrado.

Pelo lado bicolor, o trabalho todo tem sido feito em função do jogo no Município Modelo, o primeiro do Papão fora de casa no Parazão. Com isso, desde ontem uma carga de mil ingressos começou a ser vendida para os torcedores da capital. As entradas, no valor de R$ 30, estão à venda nas Lojas Lobo da Sede social, Shopping Boulevard e na Central do Sócio-Bicolor na Curuzu. As vendas vão até sexta-feira.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

Lobo tem “comandado” quando joga no Modelão 

Curiosamente, o Paysandu vai a Castanhal jogar a terceira rodada do Parazão e defenderá um tabu de onze anos sem perder no Maximino Porpino. Em 2008, o Papão perdeu para o Japiim em partida válida pela oitava rodada da fase de classificação do returno do Campeonato Paraense. O Paysandu já estava classificado para a fase seguinte. De lá para cá foram cinco partidas no Modelão com quatro vitórias alviazuis e apenas um empate.

Para o meio-campista Johnny Douglas, o retrospecto fica mais no passado. O importante é ir à casa do adversário e fazer valer a força apresentada até aqui. “Todos que jogam contra o Paysandu querem ganhar, é normal. Os outros times ligam o 220 volts e vêm para cima. Nós temos que estar mais fortes ainda”.

Johnny Douglas fez questão de afirmar que dentro do elenco há uma confiança total no goleiro Paulo Ricardo. O jogador de 22 anos vive a expectativa de fazer sua estreia como profissional. Com Douglas Silva vetado, resta apenas Mota, ainda em tratamento mas não liberado para treinos, por enquanto. “Quanto a isso, estamos todos tranquilos. O Paulo treina com a gente todos os dias, está desde há tempos entre os profissionais e pode ser titular, sim”.

(Tylon Maués/Diário do Pará)

gamepad

Vista a Camisa 13

Você pode vestir a camisa mais importante do esporte paraense.

Participe

thumb_up

GOL DA RODADA

Vote no melhor Gol da Rodada. Os melhores vão concorrer ao Gol Placa 13.

Participe

directions_run

GOL DO INTERNAUTA

Envie seu vídeo com o GOL mais bonito do time de futebol da pelada ou da quadra. Ele pode ser premiado!

Participe

Patrocínio

 

 

 

 

 

Apoio

Realização:

Coordenação: