Azulinos esperam avançar pelo segundo ano consecutivo na Copa do Brasil

Terça-Feira, 12/02/2019, 07:24:52 - Atualizado em 12/02/2019, 07:29:26

João Nasser Neto quer equipe azulina concentrada para o jogo de amanhã, sem pensar em Re-Pa (Foto: Fernando Araújo)
João Nasser Neto quer equipe azulina concentrada para o jogo de amanhã, sem pensar em Re-Pa (Foto: Fernando Araújo)

Com a alteração no modelo de disputa da Copa do Brasil, há três anos – com jogos únicos nas duas primeiras fases da competição –, o Clube do Remo, que cansou de pegar pedreira logo de cara, recentemente tem aproveitado, mesmo que teoricamente o casamento de partidas contra equipes mais modestas, além de jogar pelo empate. 

Por isso, amanhã à noite, o Leão terá a chance de classificação à segunda fase na competição pelo segundo ano consecutivo e diante de outro rival capixaba, em caso de placar igual ou superior contra o Serra-ES, no estádio Robertão, na cidade de Serra, Região Metropolitana de Vitória, no Espírito Santo.

Mesmo sem a definição anunciada por parte da comissão técnica, o time do Remo deverá ser semelhante ao que atuou ainda pela rodada inicial do Parazão, já que o adversário possui características igual ao do Pantera Mocorongo, como apontou o treinador Netão. “Na verdade, esse jogo contra o Serra vai ser muito mais parecido com o jogo do São Raimundo. Com um homem na área, de referência. A gente tem que ter muito cuidado na marca do pênalti, porque eles têm um jogador muito alto de referência”, adiantou.

ESTADUAL

Às vésperas de estrear pela Copa do Brasil, inevitavelmente, Netão foi questionado sobre assuntos relacionados ao clássico Re-Pa do próximo domingo. Mas o treinador foi enfático ao comentar que esse é o momento de total concentração para o jogo contra o tricolor serrano. “É botar um ponto e vírgula no Paraense, esquecer. Sabe que é outra competição, então, tudo o que a gente fez de bom ou ruim não valerá de nada, se a gente chegar na quarta-feira e não ganhar o jogo”, destacou o comandante.

Diferentemente dos azulinos, o Serra-ES não iniciou o ano de maneira agradável: foram duas derrotas em três jogos pelo Estadual, ambas como mandante, a mais recente, inclusive, sábado à noite, por 1 a 0, para o Atlético-ES, equipe que o Leão amassou ano passado também pelo certame nacional. 

Dessa maneira, os azulinos podem tirar tal fator como vantagem, uma vez que o rendimento como visitante em 2019 tem sido positivo. No entanto, Netão focou apenas no futuro. “Não tem como se apegar a um resultado ruim do adversário, porque a gente sabe que em um jogo tudo pode mudar. Vamos procurar fazer um grande jogo e se adaptar a questão da forma de disputa”, observou.

Time com baixas no setor defensivo

Improvisado, Vacaria deve fazer dupla com Mimica na zaga. (Foto: Octávio Cardoso)

Na lista de jogadores relacionados para a partida de amanhã à noite, diante do Serra-ES, pela Copa do Brasil, divulgada ainda pela manhã de ontem, somente o zagueiro Rafael Jansen foi vetado dos considerados titulares da onzena principal. O motivo da ausência foi em virtude de dores musculares ainda em virtude do jogo contra o Tapajós, pela 2ª rodada do Estadual. Assim, somente Mimica e Kevem foram escalados da origem de ofício, já que Fredson também está entregue ao DM. Apesar da boa atuação do jovem, Vacaria deverá ser novamente improvisado para fazer dupla com Mimica. 

Netão já adiantou que ainda vai avaliar a melhor formação para a decisão. Mas, no que depender do prata da casa, o professor pode jogar a responsabilidade, que o mesmo vai tentar assimilar da melhor forma para ajudar a equipe. “Acho que fiz um jogo bom para minha estreia. Sei que agradei o Netão e respeito os companheiros, mas posso ajudar como titular em qualquer jogo”, considerou Kevem.

Mesmo com os nomes dos defensores para uma vaga na zaga, a grande dúvida quanto à escalação ficará no setor ofensivo. Após uma bela atuação, o atacante Gustavo Ramos se credenciou para continuar entre os titulares. Outro também que pode seguir em campo logo no começo da partida é o meia-atacante Echeverría. 

Para Gustavo, caso siga titular, tentará marcar novo gol, tanto com a camisa azulina quanto na Copa do Brasil. “Confiança agora é no trabalho. Quero seguir fazendo os gols”, disse.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

DJALMA EM ALTA

Contra o Independente, no sábado (9), mesmo com o “sumiço” de alguns jogadores azulinos, a partida que encerrou em 4 a 0 para o Remo, serviu para realçar o talento de Djalma, que além de ter anotado o tento que fechou o chocolate em cima do Galo.

Para o compromisso frente ao Serra, amanhã à noite, no modelo tático de Netão, o profissional foi o único relacionado como lateral-direito. “O Neto é um cara inteligente e sabe como montar o time, nós jogadores temos que fazer a nossa parte e se dedicar”, comentou Djalma.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)

gamepad

Vista a Camisa 13

Você pode vestir a camisa mais importante do esporte paraense.

Participe

thumb_up

GOL DA RODADA

Vote no melhor Gol da Rodada. Os melhores vão concorrer ao Gol Placa 13.

Participe

directions_run

GOL DO INTERNAUTA

Envie seu vídeo com o GOL mais bonito do time de futebol da pelada ou da quadra. Ele pode ser premiado!

Participe

Patrocínio

 

 

 

 

 

Apoio

Realização:

Coordenação: